Category: Estrangeiros no Brasil


O ano de 2016 nem chegou, mas já promete ser de expectativas para os apaixonados por grandes shows. Só no primeiro semestre teremos grandes apresentações como a dos Rolling Stones, que esteve no Brasil pela última vez em 2006.

Além disso, como não podem faltar, tem também os festivais de música para todos os gostos. Lollapalooza para os fãs de rock alternativo, David Guetta e Tomorrowland para quem ama música eletrônica. E ainda tem muito mais!

Confira a lista feita pelo site Guia da Semana e diz pra gente qual desses shows e festivais você não vai perder de jeito nenhum!!

David Guetta

O DJ e produtor francês David Guetta volta ao país para apresentação da ‘Brazil Tour’ em 5 cidades. No dia 8 de janeiro de 2016, no Maori Beach Club, em Atlântida; dia 9 na Arena Open, em Camboriú; dia 10 na Pedreira, em Guarapari; dia 15 na Arena Anhembi, em São Paulo e no dia 16 no Riocentro, no Rio de Janeiro.

david-guetta

Magic!

Também em janeiro, a banda canadense Magic! vem para o Brasil para realizar 5 shows.  Passam por Brasília no dia 22, Belo Horizonte no dia 23, São Paulo no dia 26, Curitiba dia 27 e encerram em Florianópolis no dia 30. Famosos pelos hits “Rude”, “No Way No”, “Let Your Hair Down” e “Good of Life”, o grupo volta ao país depois de passagens pelo Mix Festival e no Rock in Rio.

magic2

The Rolling Stones

Em fevereiro é a vez da lendária banda inglesa The Rolling Stones voltar ao país com a turnê ‘América Latina Olé’. O grupo de Mick Jagger terá como palco famosos estádios de futebol do Brasil. No Rio de Janeiro a banda se apresenta no dia 20 no Estádio do Maracanã; depois é a vez de São Paulo que contará com dois shows da banda, nos dias 24 e 27 no Estádio do Morumbi. Para finalizar, uma apresentação na capital gaúcha no dia 2 de março no Estádio Beira Rio. A turnê também passará por Buenos Aires, Montevideo, Lima, Bogotá, Cidade do México.

rolling

Lionel Richie

O cantor e compositor norte-americano Lionel Richie faz show em Curitiba no dia 6 de março, no Teatro Positivo; no Rio de Janeiro no dia 8, na HSBC Arena; e em São Paulo no dia 9, no Ginásio do Ibirapuera. O Ex-membro da banda The Commodores traz ao país hits como “Endless Love”, “Hello”, “Easy”, “Stuck On You”, “Say You, Say Me”, “Lady”, “Do It To Me”, “My Love” e “All Night Long”.

lionel-richie2-1 (1)

Lollapalooza Brasil

O Lollapalooza acontece no Autódromo de Interlagos nos dias 12 e 13 de março de 2016 e trará como headliners Eminem, Florence + the Machine, o duo Jack Ü (composto por Skrillex e Diplo) e Mumford & Sons. O Lolla ainda terá shows de Snoop Dogg, Noel Gallagher’s High Flying Birds, Tame Impala e Alabama Shakes.

lollapalooza3

Simply Red

Liderada pelo vocalista Mick Hucknall, a banda inglesa Simply Red volta ao país em março para dois shows em comemoração aos seus 30 anos de carreira. Donos de hits como “Stars”, “For Your Babies”, “Holding Back the Years”, “Sunrise” e “You Make me Feel Brand New”, os músicos fazem shows nos dias 15 e 17 de março, em São Paulo e no Rio de Janeiro.

simply-red2

Maroon 5

A banda Maroon 5 confirmou sua vinda para o Brasil em março de 2016. O grupo americano de pop rock, vencedor de três Grammy Awards, promete seis shows inesquecíveis, com sucessos da carreira e composições do mais recente álbum, V. No dia 9 de março a banda se apresenta pela primeira vez em Porto Alegre. Os outros shows serão em Salvador no dia 13; em Fortaleza no dia 16; em Belo Horizonte no dia 11; em São Paulo no dia 19 e no Rio de Janeiro no dia 20.

maroon5

Iron Maiden

Março também é o mês da banda britânica de heavy metal Iron Maiden aterrissar no Brasil para fazer shows em 5 cidades. A banda traz ao país a ‘The Book Of Souls World Tour’, excursão mundial de divulgação do mais recente disco lançado em setembro. Eles se apresentam no dia 17 de março no Rio de Janeiro; 19 em Belo Horizonte; 22 em Brasília; 24 em Fortaleza e 26 em São Paulo.

iron-maiden-2014

Coldplay

Os ingleses do Coldplay fazem duas apresentações em abril com a turnê ‘A Head Full Of Dreams Tour’. O primeiro show, no dia 7, será no Allianz Parque, em São Paulo; e o segundo, dia 10, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. A banda vai mostrar as faixas do novo álbum, lançado no dia 4 de dezembro, além de clássicos como “Yellow”, “Paradise”, “The Scientist”, “Fix You” e “Magic”.

coldplay

Tomorrowland Brasil

Após reunir mais de 180 mil pessoas em 2015, a segunda edição do festival belga Tomorrowland Brasil, considerado o maior evento de música eletrônica do mundo, já tem data para acontecer: os dias 21, 22 e 23 de abril de 2016, também na Fazenda Maeda, em Itu. A primeira atração anunciada até o momento é o duo Axwell /\ Ingrosso, DJs que faziam parte do projeto Swedish House Mafia.

tomorrowland-brasil

27613acd-6d7c-4b88-846c-e7dbcc438c52

Em agosto de 2016, o Brasil sedia os Jogos Olímpicos, e a integração entre os povos participantes, tal qual ocorreu na Copa do Mundo em 2014, passa por um bom treino da língua inglesa.

Para fechar a série de posts sobre o assunto, separamos algumas dicas para você se preparar e aproveitar ao máximo essa oportunidade de interagir com turistas do mundo inteiro.

Além de fazer o curso na Up e contar com a experiência e o conhecimento dos nossos professores, algumas ações podem ajudar você a praticar o idioma no dia a dia e melhorar o seu desempenho na conversação.

1- OUÇA MÚSICA

Não importa qual é o seu estilo musical, escutar músicas em inglês ajuda a treinar o ouvido e a se acostumar com a pronúncia das palavras.

2- COMPRE UM LIVRO

A leitura também é uma ótima ferramenta para praticar. Não quer gastar muito? Invista em sebos ou busque aplicativos de e-books gratuitos.

3- SOCIALIZE

Cada vez mais pessoas se reúnem com o propósito de praticar um idioma. Junte sua turma e faça um happy hour onde só vale falar inglês.

4- INFORME-SE EM INGLÊS

Na hora de ler as notícias do dia, busque jornais, rádios e canais de televisão estrangeiros. A maioria deles pode ser acessado pela internet.

5- USE APPS, FAÇA EXERCÍCIOS E PRATIQUE

Cada vez mais aplicativos são lançados para ajudar tanto na gramática quanto na conversação. Use sem moderação!

marca-paralimpica-rio-2016_No último post, falamos sobre os Jogos Olímpicos. Para continuar essa série vamos falar um pouco mais sobre os Jogos Paralimpicos, evento que acontece em setembro de 2016, logo após os Jogos Olímpicos. Nos 11 dias, serão disputadas 528 provas com medalhas, sendo 264 masculinas, 226 femininas e 38 mistas.

São 23 modalidades disputadas em 20 locais de competições espalhados em quatro regiões da cidade do Rio de Janeiro. As estreias de 2016 são o triatlo e a canoagem.

Em 1945 o esporte começou a ser utilizado em Stoke Mandeville, na Inglaterra, como forma de reabilitação de soldados feridos durante a 2ª guerra mundial por iniciativa do médico alemão Ludwig Gutmann. Em 1948 foi organizada a primeira competição para atletas com deficiência. O sucesso foi tanto que em 1960 aconteceu a primeira edição oficial dos Jogos Paralímpicos em Roma, na Itália.

O esporte paralímpico no Brasil só começou na década de 1950, graças ao paraplégico Róbson de Almeida Sampaio, que havia retornado dos Estados Unidos. Ele fundou um clube no Rio de Janeiro, enquanto outro paraplégico, Sérgio Delgrande, fazia o mesmo em São Paulo. Em 1959, as equipes dos dois clubes se enfrentaram em um jogo de basquete em cadeira de rodas. As associações de atletas deficientes começaram a aparecer, e o Brasil enviou uma delegação aos Jogos Paralímpicos pela primeira vez em 1972.

A velocista mineira Ádria Rocha dos Santos tornou-se a maior velocista cega do mundo ao conquistar seu quarto ouro em paralimpíadas, nos Jogos de Atenas (2004). O primeiro veio em 1992, e os outros dois, em 2000. Ádria possui 10 medalhas paralímpicas. Ela começou no atletismo aos 13 anos, quando frequentava a escola para deficientes visuais Instituto São Rafael, em Belo Horizonte (MG). Foi perdendo gradativamente a visão por causa de uma doença chamada retinose pigmentar (degeneração da retina) e do astigmatismo de nascença.

Quer saber mais? Então visite o site oficial das Olimpíadas Rio 2016: http://www.rio2016.com/

rio

Em agosto de 2016, o Brasil sedia os Jogos Olímpicos. Em 17 dias de competição serão disputadas 306 provas com medalhas, sendo 161 masculinas, 136 femininas e 9 mistas. Esta será a primeira edição dos Jogos realizada na América do Sul.

Nas próximas semanas você vai acompanhar uma série de posts que nós da Up Idiomas preparamos para você ficar por dentro desse grande evento.

Separamos abaixo algumas curiosidades para você saber um pouco mais sobre os Jogos que vão receber mais de 10 mil atletas de 204 países. Confere aí:

  1. NOVOS ESPORTES

A Olimpíada de 2016 terá 42 modalidades de esporte em disputa. As novidades dessa edição foram a inclusão do rugby e do golfe.

  1. CUSTO $$$$

O orçamento dos jogos custou a bagatela de R$37,6 bilhões de reais.

  1. TOCHA

A tocha olímpica simboliza a união entre os jogos da antiguidade e da era moderna. Ela passa pelas mãos de 10 mil carregadores durante um revezamento que leva 100 dias e percorre os 27 estados do Brasil.

  1. VILA OLÍMPICA

A vila é composta por 31 prédios residenciais, divididos em sete condomínios em apartamentos de 2 a 4 quartos.

  1. LEMA E VALORES

O lema olímpico é “Citius, altius, fortius”, que significa “mais rápido, mais alto e mais forte”. Os valores do Movimento Olímpico são respeito, amizade e excelência.

  1. AUDIÊNCIA

A última cerimônia de abertura, na Olimpíada de Londres, alcançou a audiência global de 900 milhões de pessoas. Será que ano que vem vamos bater esse número?

  1. INGRESSOS

No total serão comercializados 7,5 milhões de ingressos, divididos em quatro categorias diferentes. O ingresso mais barato custa R$40 e o mais caro sai por R$4.600.

Quer saber mais? Então visite o site oficial das Olimpíadas Rio 2016.

Sem título

Já falamos diversas vezes sobre algumas formas de praticar o idioma que você está aprendendo. Uma das mais eficazes é conversar com estrangeiros.

Para isso, viajar é uma ótima opção, mas… para quem tá com a grana curta e ainda assim quer aproveitar esse tipo de experiência (e ainda ganhar uma grana), o site Rent a Local Friend é uma ótima alternativa.

Através da plataforma, criada pela paulistana Alice Moura, você se coloca à disposição para ser um amigo de aluguel, receber turistas e mostrar a cidade através do ponto de vista de quem é morador.

Você pode apresentar para ele aquele restaurante incrível que fica em uma parte isolada da cidade, a noitada mais badalada que rola de vez em quando, uma feira de artigos exóticos, o bar onde toca música local de qualidade e outros lugares que só quem é morador conhece.

Basicamente, qualquer indivíduo pode se candidatar a uma vaga de “amigo local” e, depois de preencher todos os dados, aguardar a aprovação – ou não – feita pelos curadores do site. Mesmo não existindo um perfil padrão pré-estabelecido, é praticamente fundamental que a pessoa interessada tenha um certo domínio de outros idiomas (pelo menos inglês) e realmente goste do trabalho. O valor pago pelo serviço varia de acordo com o custo de vida de cada lugar — quatro horas de passeio saem, em média, por US$ 100.

Curtiu a ideia?

Quer compartilhar iniciativas tão legais quanto essa? Então manda pra gente!

Tommaso 1Seguindo a série “Estrangeiros no Brasil” aqui no blog da Up, conversamos com o italiano Tommaso Mottironi. Ele tem 47 anos, é arquiteto, agente cultural, editor e professor de Italiano.

No Brasil há nove anos, ele conta pra gente um pouco das experiências que teve e o que acha do nosso país. Confere aí!

Porque você veio para o Brasil?

Para realizar um sonho antigo.

Que cidades você visitou e onde mora atualmente?

No Brasil, todas as principais cidades do Rio Grande do Sul. Atualmente, moro em Torres.

O que você mais gostou?

Natureza.

O que você achou mais estranho/diferente no Brasil?

O chuveiro elétrico!

Você passou alguma situação embaraçosa, engraçada ou difícil no Brasil? Qual?

Quase fui preso por não estar com meus documentos.

Do que você mais sente falta do seu país?

Meu país é onde estou agora.

Se você tivesse que resumir o Brasil em uma frase, qual seria?

O Brasil é um horizonte, aberto e plural.

IMG-20150219-WA0001Hoje começamos aqui no Blog a série “Estrangeiros no Brasil”. Todo mês convidamos um “gringo” para responder algumas perguntas e contar pra gente como está sendo essa experiência de morar no nosso país.

Hoje, para dar início à série, conversamos com o colombiano Klaus Iglesias Hensel. Ele tem 33 anos, é psicólogo e professor e mora no Brasil há dois anos.

Porque você veio para o Brasil?
Minha namorada é brasileira e decidimos juntos vir morar aqui no Brasil.

Que cidades você visitou e onde mora atualmente?
Moro em Porto Alegre, mas já visitei Florianópolis, Pelotas, Canela, Gramado e Três Coroas.

O que você mais gostou?
Gostei muito da natureza.

O que você achou mais estranho/diferente no Brasil?
Achar os endereços dos lugares onde preciso ir é bem mais difícil por aqui…

Você passou alguma situação embaraçosa, engraçada ou difícil no Brasil? Qual?
Os brasileiros gostam muito do contato físico o que me parecia constrangedor no começo, mas com o tempo fui me acostumando.

Do que você mais sente falta do seu país?
Sinto falta da comida, da minha família e dos meus amigos, é claro.

Se você tivesse que resumir a sua experiência no Brasil em uma palavra, qual seria?
Diversa.